Estágios

Estagiários InTCC - Turma 2017

  • Alessandra Quintana Fonseca – FADERGS
  • Aline Vieira Sá Copetti – PUC
  • Amanda Borges Fortes – PUC
  • Bruna Evaristo Scheffer – UNIRITTER
  • Carolina Campelo Guisso – UFCSPA
  • Carolina Maiato de Lima – PUC
  • Emilia Sumie Adachi – IPA
  • Fernando Rainho – PUC
  • Francielle Machado Beria – UFRGS
  • Laura Teixeira Bolaséll – PUC
  • Luiz Filipe Silveira Schmidt – UFRGS
  • Marcelo Kloc Bujak – PUC
  • Marina Heinen – PUC
  • Estágio em Psicologia no InTCC

    Número de Estagiários

    10 vagas

    Carga-horária semanal exigida

    20 horas

    Tempo de duração do estágio

    Um ano, de janeiro à janeiro do ano seguinte.

    Época prevista para treinamento de estágio

    Janeiro de cada ano

    Época prevista para final do estágio

    Janeiro do ano seguinte ao início do estágio

    Época prevista para inscrição para seleção

    Outubro de 2018

    Período de férias

    Mês de fevereiro

    Tipo de Bolsa ou previsão de auxílio fornecido ao estagiário

    Muito aprendizado

    Inscrição para Estágio

    1. Preencher a ficha de inscrição:

    Inscreva-se

    2. Cópia digital dos documentos:

    3. Enviar material completo para o e-mail:

    Saiba Mais

    Plano de Estágio de Psicologia

    1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO LOCAL DE ESTÁGIO

    1.1. Nome: InTCC – Ensino, Pesquisa e Atendimento Individual e Familiar

    1.2. Endereço: Av. Plínio Brasil Milano, 232 – Bairro Higienópolis – Porto Alegre/RS

    1.3. Telefones: (51) 3022-3006 / 3022-6009
    Email: secretaria.intcc@gmail.com
    Site: www.intcc.com.br

    1.4. Nome dos Responsáveis pela Instituição:

    Psiq. Luiz Carlos Prado – Diretor Geral
    Psic. Renato Maiato Caminha – Diretor de Ensino
    Psic. Adriana Selene Zanonato – Diretora de Estágios

    1.5. O local e seu contexto:

    A equipe que integra o InTCC –  Ensino, Pesquisa e Atendimento Individual e Familiar possui longa tradição de ensino, pesquisa e prática clínica nas áreas das Terapias Cognitivo-Comportamentais e da Terapia Familiar,  com uma visão abrangente e integradora. Localiza-se na Av. Plínio Brasil Milano, 232.

    O InTCC conta com um espaço amplo, agradável e aconchegante, onde funcionam  Cursos de Especialização, de Formação e aprimoramento profissional, bem como Estágios de Psicologia.

    Com o mesmo espírito de seriedade e dedicação que a equipe  sempre trabalhou, construiu uma sede que possui confortáveis salas de aula e de atendimento, um auditório e uma biblioteca. Além disso, foi criado um espaço de convivência, com uma pequena cafeteria, para nutrir e aquecer os encontros entre colegas, professores, alunos e funcionários e uma livraria para alimentar o conhecimento de todos.

    A equipe do InTCC sente-se realizada e orgulhosa com essa  conquista e espera recebe-lo em nossa nova casa com todo o carinho que sempre dedicamos a nossos colegas, alunos e pacientes.

    2. IDENTIFICAÇÃO DO PSICÓLOGO SUPERVISOR RESPONSÁVEL

    2.1. Adriana Selene Zanonato

    2.2. CRP 07/05222

    2.3. Telefones: (51) 3264-4894 (cons.) e 99971-6728 (cel.)

    2.4. Email do Instituto: secretaria.intcc@gmail.com
    Email pessoal: adrianazanonato@psicoclin.net

    2.5. Horários da Instituição: Das 8h às 21h, de segunda à sexta e sábados das 8h às 13h, regularmente.

    2.6. Contato mais fácil: às terças e sextas à tarde.

    3. ESTÁGIO EM PSICOLOGIA

    3.1. Número de estagiários: 10 vagas

    3.2. Carga horária semanal exigida: 20 horas

    3.3. Tempo de duração do estágio: um ano, de janeiro à janeiro do ano seguinte.

    3.4. Época prevista para treinamento local: janeiro de 2018

    3.5. Época prevista para início de estágio: março de 2018

    3.6. Época prevista para final do estágio: final de janeiro/2019

    3.7. Período de férias: mês de fevereiro

    3.8. Data da seleção para próxima turma: outubro de 2018

    3.9. Tipo de Bolsa ou previsão de auxílio fornecido ao estagiário: muito aprendizado.

     

    4. ATIVIDADES PREVISTAS PARA O ESTÁGIO

    4.1 O estágio será predominantemente clínico, composto de alguns seminários teórico-clínicos de embasamento nas áreas de Terapia Cognitivo-Comportamental e de Terapia Familiar. Além disso, haverá observação de práticas clínicas em espelho unidirecional e de vídeos de entrevistas, além de atendimento de casos selecionados em nosso Ambulatório, supervisionados em pequenos grupos.

    4.2 Espera-se que, nesse ano de estágio, o aluno conheça bem cada uma dessas áreas de atividade e tenha obtido um bom aprendizado das práticas clínicas em cada uma delas.

    4.3. O estagiário deverá participar de seminários preparados especialmente para seu grupo, além de assistir práticas clínicas em espelho e ao vivo, juntamente com alunos dos Cursos de Especialização. Também deverá poder receber dois a três pacientes, que serão atendidos por ele, sob supervisão.

    4.4. As linhas teóricas principais que fundamentam nossa Instituição – caracterizada por um enfoque integrativo – são a Psicologia Cognitivo-Comportamental e as Teorias Sistêmicas de Família, além de outros aportes que possam enriquecer esses dois enfoques, como os fundamentos psicodinâmicos que a maior parte dos professores também utilizam para o entendimento dos casos.

    5. SUPERVISÃO DE ESTÁGIO

    5.1. Carga horária semanal de supervisão: quatro horas semanalmente.

    5.2. Forma de supervisão: em grupo. Alunos deverão cumprir um protocolo de supervisão da Instituição.

    5.3. Seminários em horários a combinar – dez horas, semanalmente:

    • Seminário clínico I – Princípios básicos e técnicas de intervenção em TCC (2 horas)

    • Seminário clínico II – Princípios básicos e técnicas de intervenção em Terapia Familiar (2 horas)
    – Seminário de revisão e discussão de casos de vídeos gravados (2 horas)

    • Seminário clínico III – Discussão de casos clínicos em vídeo ou atendidos em espelho, ao vivo (4 horas)

    6. AVALIAÇÃO

    6.1 A avaliação no InTCC costuma ser feita através de diversos elementos:

    – Avaliação da postura e comprometimento do estagiário
    – Avaliação de seu trabalho clínico através da supervisão
    – Auto avaliação do estagiário
    – Conceitos de 0 a 10

    Bibliografia Recomendada

    ANDOLFI M. A Linguagem do Encontro Terapêutico. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996. Caps. 2 a 6.

    BECK, Aaron; FREEMAN, Arthur; DAVIS , Denise e col. Terapia Cognitiva dos Transtornos de Personalidade. 2ª E.d. Porto Alegre: Artmed, 2005.

    BECK, Judith. Terapia Cognitiva para Desafios Clínicos: o que fazer quando o básico não funciona. Porto Alegre: Artmed, 2007.

    BECK, Judith. Terapia Cognitiva: Teoria e Prática. Porto Alegre: Artmed, 1997.

    BOSCOLO, Luigi e BERTRANDO, Paolo. Terapia sistêmica individual. Amorrortu editores: Buenos Aires, 2000.

    BREULIN, D. SCHWARTZ, R. E KARRER, Betty. Metaconceitos: transcendendo os modelos em terapia familiar. Porto Alegre: Artes Médicas, 2000.

    CAMINHA, Renato (org). Psicoterapias Cognitivo-Comportamentais: Teoria e Prática. São Paulo, Caso do Psicólogo, 2003.

    CARTER B.; MCGOLDRICK M. Genetogramas e o Ciclo de Vida Familiar. IN: As Mudanças no Ciclo de Vida Familiar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995. Cap. 8.

    DSM-IV. Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, 4ª Edição. Porto Alegre: Artmed, 1995.

    FALCETO, Olga. Terapia de Família. IN: CORDIOLI, Aristides V. Psicoterapias – Abordagens Atuais. Porto Alegre: Artmed, 2008. Cap. 13.

    FISHMAN C. Tratando Adolescentes com Problemas: uma abordagem da terapia familiar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996. Cap. 2.
    GROISMAN M. O Modelo Sistêmico-Vivencial. IN: GROISMAN M. Histórias Dramáticas. Rio de Janeiro: Ed. Rosa dos Tempos, 2003 pp. 21 a 48.

    KNAPP, Paulo & col. Terapia Cognitiva na Prática Clínica. Porto Alegre: ARTMED,

    McNAMEE, Sheila e GERGEN, Kenneth J. A terapia como construção social. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998. Cap. 2.

    MINUCHIN S.; FISHMAN C. Técnicas de Terapia Familiar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1990. Todos os capítulos.

    PRADO, Luiz C. ZANONATO, Adriana. A abordagem cognitivo-comportamental com casais e famílias. Revista Brasileira de Terapia Familiar, Ano I, n° 1, 2008.

    RANGÉ, Bernard Pimentel. Psicoterapia Cognitivo-Comportamentais: um diálogo com a psiquiatria. Porto Alegre: Artmed, 2001. Cap 24: disfunções sexuais, Antonio Carvalho.

    Depoimentos

    • Chrystian Kroeff

      Psicólogo

      “A prática do atendimento psicoterápico ressignifica a relação do aluno com a teoria estudada. O estágio no InTCC proporciona justamente essa sensação: de compreender mais a Psicologia e o papel dessa profissão na vida das pessoas. Aqui, é construída a possibilidade do estagiário utilizar suas ferramentas teóricas na atuação clínica, entrando em contato com a riqueza desse trabalho e se preparando para seguir um caminho de clínico profissional.”

    • Victória Duarte

      Psicóloga

      “Ter a oportunidade de realizar o estágio clínico no Intcc está sendo uma experiência única e inesquecível. Além dos laços fortes de amizade em que estou constituindo, venho adquirindo muito aprendizado através das supervisões, seminários e atendimentos. O InTcc mais do que um local de ensino, é uma segunda família, onde há um crescimento não apenas profissional, mas também pessoal.”